FEC adota modelo nacional e interage com as Especializadas

Desde 2010 a ABRADE, convidada pela Federação Espírita Catarinense (FEC), vem participando das reuniões do Conselho Federativo Estadual que reúne as dezesseis Uniões Regionais Espíritas dispostas no território catarinense.

Outras especializadas, também convidadas, têm se feito presentes como a Associação Brasileira dos Esperantistas Espíritas (ABEE), a Associação Brasileira dos Artistas Espíritas (ABRARTE), a Associação Médico-Espírita de Santa Catarina (AME-SC) e a Associação Brasileira de Magistrados Espíritas (ABRAME).

As chamadas “Especializadas” têm direito a voz e contribuem efetivamente para a discussão dos rumos do movimento espírita local, podendo atuar em parceria com a FEC, suas vice-presidências, departamentos e setores.

A federativa de Santa Catarina é a primeira do Brasil a repetir o modelo vigente no plano nacional, já que a Federação Espírita Brasileira (FEB), abriu espaço, desde o final da década de 1990, para a participação das especializadas, as quais têm se feito presentes em número cada vez maior, inclusive gerando o espaço do “Fórum das Entidades Especializadas de Âmbito Nacional” que vem funcionando paralelamente ao Conselho Federativo Nacional, conforme temos divulgado amplamente.

Nossos cumprimentos e agradecimentos à Diretoria Executiva da FEC, pela sensibilidade do processo de INCLUSÃO e de trabalho em parceria e os votos para que as demais federativas estaduais e distrital possam seguir este exemplo.

A ABRADE já destacou a iniciativa catarinense por diversas vezes, registrando Moção de Reconhecimento e sugerindo às demais federativas a adoção do referido modelo, em prol da UNIDADE ESPÍRITA.

Fonte: Assessoria Administrativa ABRADE

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *